Mudanças no Estilo de Vida na Velhice Aumentam a Longevidade

13

Olha só que boa notícia para todos e que reforça a ideia de que “nunca é tarde para se mudar!

Estudo realizado na Suécia pelo  Instituto Karolinska (Título original da pesquisa: Lifestyle, social factors, and survival after age 75: population based study) e publicado no British Medical Journal (BMJ), sugere que um idoso mesmo após os 75 anos de idade, ao mudar os hábitos, poderá elevar a expectativa de vida em até 5 anos. Saiba mais lendo Mudanças no Estilo de Vida na Velhice Aumentam a Longevidade!

Mudanças sólidas como emagrecer, deixar de ingerir excessivamente bebidas alcoólicas ou de fumar, exercitar-se, podem aumentar a longevidade de pessoas idosas.

Mudanças no Estilo de Vida na Velhice Aumentam a LongevidadeMudanças no Estilo de Vida na Velhice Aumentam a Longevidade

Saiba mais acerca de Mudanças no Estilo de Vida na Velhice Aumentam a Longevidade

  • Para chegar a tal conclusão, foram analisadas, em um período de 18 anos, 1.800 homens e mulheres com mais de 75 anos com estilos de vida diferentes. Até o final do estudo, 92% dos participantes morreram e metade viveu mais do que 90 anos.
  • Conclui-se o que um estilo de vida não saudável contribui para a mortalidade de pessoas idosas e que hábitos saudáveis adotados ao longo da a vida reduzem o risco.
  • A maioria dos que tinham uma expectativa de vida maior possuem um nível de escolaridade maior, são do sexo feminino. Também praticam atividades físicas, tem bons hábitos alimentares, não têm sobrepeso, apresentam relacionamentos sociais estáveis e têm momentos de lazer mais regulares do que os indivíduos que viveram por menos tempo.
  • Dentre os idosos pesquisados, viveram a mais em média, 4 anos (mulheres) e 5 anos (homens) do que os que os tinham maus hábitos. Essa maior expectativa de vida foi aplicada também em pessoas com mais do que 85 anos e que tinham doenças crônicas.
  • A pesquisa apontou que em média, os fumantes morreram um ano mais cedo do que o restante dos indivíduos, tanto os não fumantes, quanto os que deixaram o cigarro após os 40 anos de idade. Os autores sugerem que parar de fumar na vida adulto reduz os efeitos do tabagismo sobre a mortalidade.

Mudanças no Estilo de Vida na Velhice Aumentam a Longevidade

Guloso & Saudável

Foto por: myfuture.com

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor digite o seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.