Aprenda mais sobre conservação e consumo de queijo!

Sabia que os queijos podem ser classificados de acordo com o tipo de leite utilizado, a textura, o grau de maturação e a intensidade do sabor e aroma. A classificação mais utilizada é em relação à textura, assim temos queijos duros, maturados e semiduros, cremosos, macios, suaves, frescos… Saiba mais lendo as Dicas de Conservação e Consumo de Queijo!

O queijo é uma alimento vivo, que muda suas características com o tempo, por isso o mesmo tipo de queijo pode apresentar-se mais ou menos duro, com sabor mais ou menos acentuado e coloração mais ou menos escura de acordo com sua idade.

Dicas de Conservação e Consumo de QueijoDicas de Conservação e Consumo de Queijo

Dicas de Conservação e Consumo de Queijo

As dicas apresentadas a seguir são aplicáveis a diversos tipos de queijo:
  • Para evitar o mofo no queijo durante a conservação coloque-o dentro do pote e junto  um cotonete embebido com vinagre.
  • A formação de mofo na superfície de alguns queijos maturados comprova a ausência de conservantes químicos.
  • Queijos duros contêm mais gordura e mais Cálcio do que queijos de massa mole.
  • Ao preparar uma tábua de queijos deixe-os inteiros ou em pedaços grandes para que cada convidado corte o pedaço que for consumir e também reconheça o queijo pelo formato.
  • Use três tábuas para servir, uma para os de sabor mais forte, outra para os de paladar médio e a terceira para os mais suaves.
  • Para garantir que os queijos estejam macios retire-os da geladeira algum tempo antes de servir.
  • Na hora da compra verifique a validade, quanto mais perto do final, mais maturado e picante o queijo vai estar. Como o paladar do brasileiro não está tão acostumado aos queijos mais envelhecidos, muitos jogam fora um produto caro, nutritivo e que ainda é próprio para o consumo.
Conservação dos queijos
  • Sempre siga as orientações da embalagem para as peças na embalagem original.
  • Se o produto estava exposto em refrigeração, o mesmo deve continuar nessa condição.
  • Mantenha os queijos na gaveta de legumes da geladeira, exceto os queijos frescos.
  • Não coloque queijos diferentes em um mesmo recipiente pois os sabores misturam-se e a conservação fica comprometida.
  • Uma alternativa para armazenar bem os queijos na geladeira sem perda de sabor e textura é embrulhar em papel toalha absorvente e depois passar um filme plástico que fique bem aderido ao produto. Coloque dentro de um recipiente com tampa.
  • De um modo geral, os queijos não devem ser congelados pois sua textura se desfaz durante o congelamento. A forma de aproveitar um queijo congelado é usá-lo para algum preparo culinário, como por exemplo colocar um pedaço de gorgonzola numa sopa somente para dar sabor ou mussarela em pizzas, lasanhas, queijo parmesão, ricota, requeijão…, resistem bem.
  • Nos queijos frescos a formação de mofo normalmente não ocorre, a não ser que eles estejam sendo mantidos em temperatura fora da faixa de 4° a 8° C.
  • Queijos maturados podem ser mantidos em temperatura que não não ultrapasse os 18° C. Mas precisam de uma proteção extra e não esquecer que o processo de maturação fica mais rápido. Cubra-os com papel alumínio ou filme plástico, mas não esqueça de fazer pequenos buracos para deixar o queijo “respirar”.
  • Queijos de massa mole podem ficar em temperatura ambiente por algumas poucas horas.
Conheça melhor os vários tipos de queijos
Queijos cremosos
  • Derretem na boca como cheddar, requeijão, creme de queijo, creme de ricota, cream cheese.
Queijos duros, maturados e fortes
  • A consistência dos chamados queijos duros varia de lisa e fácil de cortar até a áspera e granulada como o parmesão, reino, provolone e grana.
Queijos frescos
  • Possuem muita umidade, são fabricados com de leite de vaca, ovelha ou cabra, são ideais para entradas e muito utilizado em dietas alimentares. Tem textura suave, devem ser consumidos em pouco tempo como o minas frescal, ricota, cottage,  mussarela de búfala.
Queijos macios
  • Têm sabor acentuado, como camembert, brie, mi-chrévre.
Queijos macios, azuis
  • Possuem sabor complexo e picante como o Gorgonzola, Roquefort, Bleu de Bresse.
Queijos suaves
  • Queijos com sabores suaves como o gouda, estepe, itálico, prato, minas padrão, mussarela, coalho, esférico, Saint Paulin, tilsit, gruyère.
Queijos tipo suíço
  • Possuem pasta dura ou extra dura como gruyère e emmenthal.
Que bebidas servir
  • Sirva com vinho tinto e vinho branco. Mas existe quem aprecie com cerveja, espumante, champagne e até uísque.
  • Para quem não consome bebida alcoólica, sirva água com e sem gás e suco de uva.
Com o que acompanhar
  • Frutas frescas como as uvas rosadas e verdes, morangos e peras. Evite as cítricas.
  • Frutas secas como damasco, uvas, tâmaras, amêndoas, nozes, castanhas, pistache são ótimas opções para acompanhar.
  • Pães como baguetes, pão italiano, pão francês inteiros e torradinhas. Ao lado, deixe uma tábua e faca de pão para que os convidados possam cortar fatias do tamanho desejado.
  • Geleias de sabores variados, como pimenta, damasco…, criam um delicioso contraste como os queijos cremosos.

Dicas de Conservação e Consumo de Queijo

Guloso & Saudável

 

Salvar

Salvar

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta