Hoje temos uma receitinha que é muito bem vinda em qualquer momento! Manhã, tarde ou noite, sempre é uma delícia saborear esses pãezinhos quentinhos saídos do forno, crocantes por fora e fofinhos por dentro! É a receita do delicioso Pão de Batata Doce Sem Glúten e Sem Lactose!

Mais uma receita de pão caseiro que com certeza vocês irão adorar! Além do fato dele ser caseiro, ou seja, sem aditivos nenhum, tenho que dizer que essa receita é super nutritiva, afinal ela tem todos os benefícios que a batata doce nos oferece! E, olha, confesso que realmente com um pãozinho fico satisfeita!

Vale lembrar que batata doce é uma das melhores fontes de carboidratos, é também um alimento com índice glicêmico baixo, ou seja, a glicose é absorvida de maneira lenta. E, por ser rica em fibras, ajuda a flora intestinal a funcionar corretamente.

Esta receita de pão de batata doce foi provada, repetida e super aprovada! Que tal prepará-la hoje? 😋

Bom final de semana!

Pão de Batata Doce Sem Glúten e Sem Lactose

Pão de Batata Doce Sem Glúten e Sem Lactose

Categorias: Pães e salgados
Autores: Guloso e Saudável
Rendimento: 21 porções
Tempo de preparo: 10 minutos
Tempo total de preparo: 2 horas
Grau de dificuldade: Fácil
Comida: Brasileira
Porção: 100 gramas

Ingredientes

  • 800 gramas: Batata doce;
  • 3 colheres de sopa: Fermento biológico seco;
  • 3 colheres de sopa: Azeite de oliva;
  • 3 unidades: Ovos médios;
  • 2 colheres de chá: Sal;
  • 2 colheres de chá: Açúcar demerara orgânico;
  • 250 mililitros: Leite de coco caseiro;
  • 600 gramas: Farinha de arroz integral;
  • 525 gramas: Polvilho doce.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Modo de preparo

  1. Higienize as batatas (utilizei a variedade batata doce avermelhada), cozinhei por 10 minutos na panela de pressão, ou até ficarem macias.
  2. Deixe esfriar as batatas, retire as cascas e bata no liquidificador ou processador junto com o leite de coco morno (o fermento dissolvido no leite), os ovos, o açúcar, o sal e o azeite.
  3. Em um recipiente junte à mistura do liquidificador as farinhas (3 xícaras padrão de farinha de arroz e 3 de polvilho), misture bem com uma espátula, acrescentando as farinhas aos poucos.
  4. Transfira para uma superfície limpa e polvilhada com farinha de arroz, sove a massa até conseguir uma consistência e textura leve, sem grudar nas mãos, se necessário acrescente um pouco mais de farinha de arroz.
  5. Deixe a massa descansar dentro de um recipiente, coberto com um pano por 40 minutos em local sem ventilação.
  6. Em uma superfície limpa e polvilhada com farinha de arroz modele os pãezinhos: bola, mini baguete ou pão de forma (modelei 6 pães bola, 8 mini baguetes de 100 gramas cada e 1 de forma com 700 gramas). Deixe novamente a massa levedar por 40 minutos (em local sem ventilação).
  7. Preaqueça o forno a 210ºC.
  8. Faça cortes por cima dos pãezinhos, polvilhe com farinha de arroz, leve ao forno em assadeira ou forma untada e polvilhada com farinha de arroz. Coloque o pão de forma na prateleira mais baixa e os pãezinhos menores na superior. Deixe por cerca de 40 minutos, desligue e deixe mais 10 minutos (se fizer pão de forma demora mais um tempinho).
  9. Os pães podem ser congelados e na hora de consumir aqueça-os no micro-ondas.
  10. Sirva o Pão de Batata Doce Sem Glúten e Sem Lactose bem quentinho acompanhado de tofu cremoso.

Valores nutricionais por porção

Açúcar: 2,8 g Beta-caroteno: 2.096,3 μg
Cálcio: 16,7 mg Calorias: 239,2 kcal
Carboidratos: 45,2 g Colesterol: 30,2 mg
Ferro: 1,7 mg Fibras totais: 2,7 g
Fósforo: 135,7 mg Gorduras: 3,6 g
Gorduras monoinsaturadas: 2 g Gorduras poliinsaturadas: 0,6 g
Gorduras saturadas: 1,7 g Magnésio: 38,6 mg
Niacina: 2,3 mg Potássio: 210,2 mg
Proteína: 4 g Selênio: 3,5 μg
Sódio: 255,7 mg Vitamina A: 3.527,7 IU
Vitamina C: 4,2 mg Vitamina E: 1 g
Vitamina K: 2,1 μg Zinco: 0,9 mg

Os valores nutricionais são baseados em cálculos teóricos. Não foi executada uma análise laboratorial.

Salvar

POSTS RELACIONADOS

18 COMENTÁRIOS

  1. Querida Vânia!
    Que pães lindos e pela receita, serão explêndidos. Gostei que a batata doce estivesse incluida, utilizo-a muito para o meu intestino. Para comer saudável, é procurar este Guloso. Mais uma vez obrigada, pelo trabalho de toda a equipa em nos proporcionar bem estar.
    Beijinho

  2. Olá Vânia,
    que delicia de pão, a cor ficou maravilhosa, um pãozinho quente com café é tudo de bom e sedo saudável assim melhor ainda, adorei!
    Ótimo fds, bjs!

  3. Boa noite, Vânia!
    Tenho andado meio desaparecida, mas estou de volta! E que belo pão encontro por aqui! Gosto muito de ar batata-doce, mas nunca experimentei em pão! Adorei a sugestão!
    Beijinhos e bom fim de semana!

  4. Querida Vânia, já estava indo ler a matéria dos alimentos que não podem entrar na geladeira quando me deparei com essa beleza de pão. Achei excelente com uma cor linda e adoro batata doce. Do jeito que anda a coisa aqui em casa em matéria de glúten proibido, fiquei muito interessada. Adorei a receita e ja levo comigo. Lindos seus pães. Obrigada por compartilhar conosco. Beijinhos

  5. Olá Vânia,
    ficou com uma cor linda esse pão!
    Adoro batata doce, e com o leite de coco e a farinha de arroz deve ter ficado maravilhoso, minha linda.
    Um beijinho.

    • Olá Rodrigo,
      Eu conservei no freezer durante meses, a conservação na geladeira não é indicada pois resseca o pão, em temperatura ambiente devido ser natural dura de 3 a 5 dias.
      Abraço,
      Vânia

  6. Ola bom dia para todos o meu nome e Altamir estou começando a fazer uma reeducação alimentar gostaria de algumas dicas quem já faz algum tempo

  7. Olá! Fiz o pão exatamente como mandava a receita, porém, ficou duro por fora e cru por dentro, apesar de aparentemente ter ficado com a mesma cara que o da foto, douradinho… Meu forno é elétrico e não convencional, você acha que pode ser por isso? Eu deveria ter alterado a temperatura e o tempo de cozimento?
    Obrigada.
    Obs: mesmo cru ficou com gosto bom, eu experimentei um pedacinho 🙂

    • Olá Nahara,
      O controle da temperatura é muito mais precisa no forno elétrico mas pela sua explicação eu baixaria um pouco a temperatura e aumentaria o tempo de forno.
      Boa receita, abraço,
      Vânia

Deixe uma resposta