O bolo “solou” ou “abatumou“, qual o erro?

Um bolo bonito, bem feito tanto o simples quanto o decorado começa por uma boa seleção de ingredientes e um bolo bem assado. Leia o artigo e colecione algumas Dicas para Ter Sucesso nas suas Receitas de Bolos!

Nada mais frustrante do que tirar o bolo do forno depois do trabalho, do gasto, da espera e descobrir que cresceu muito, depois murchar, ou nem chegou a crescer, queimou nas laterais ou ficou cru no meio, entre outras situações.

São feitos bolos de diferentes sabores e com as mais variadas coberturas. Mas os ingredientes são normalmente os mesmos e são colocados no forno até ficarem prontos, descubra soluções fáceis nas dicas para ter sucesso nas suas receitas de bolos!

bolo_manga_simples_1

Dicas para Ter Sucesso nas suas Receitas de Bolos

O objetivo deste artigo é nos auxiliar a descobrir a função de cada ingrediente e de cada operação. Embora vários problemas possam ocorrer, alguns são mais comuns e geralmente de fácil solução. Confira a lista de cuidados e as Dicas para Ter Sucesso nas suas Receitas de Bolos.

Algumas dicas para ter sucesso nas suas receitas de bolos

Como preparar as claras em neve com ou sem batedeira
  • As claras devem estar bem limpas, sem quaisquer vestígios de gema.
  • Somente se deve acrescentar um outro ingrediente às claras se estiver expresso na receita.
Com batedeira
  • É a forma mais simples de preparar as claras em neve.
  • Primeiro (lógico) separe as claras das gemas.
  • Coloque as claras no recipiente da batedeira.
  • É ideal utilizar um batedor tipo balão para bater claras em neve ou massas leves e aeradas como bolos ou mousses.
  • Ligue a batedeira deve começar a bater as claras em velocidade baixa. Conforme for ganhando consistência, aumente a velocidade. (Deve demorar uns 4 ou 5 minutos em velocidade baixa.).
  • As claras formarão uma espuma consistente. Se você pegar um pouco numa colher e virá-la de ponta cabeça, não cairão.
Sem batedeira
  • Coloque as claras em uma tigela.
  • Pegue seu batedor manual (fouet) e comece a ‘quebrar‘ as claras, bater lentamente.
  • Comece devagar e vá acelerando aos poucos, continuamente.
  • No final, as claras devem soltar-se facilmente das bordas da tigela onde foram batidas.
Sem batedeira e sem fouet
  • Se você não tem batedeira, nem fouet, mas tem coragem, habilidade e precisa dar uma malhada (rsrs) pode bater as claras com um garfo (como antigamente). Mas o melhor é adquirir pelo menos um fouet.
Cuidados com o açúcar
  • Sempre que possível dê preferencia ao açúcar demerara ou mascavo claro, sempre bem dissolvido.
  • O açúcar cristal somente quando a receita solicitar.
  • A quantidade de açúcar nunca deve exceder em peso a da farinha de trigo. Isso significa que para 1 xícara de chá (padrão) de açúcar devem ser utilizadas no mínimo duas xícaras de chá (padrão) de farinha de trigo.
  • Habitualmente tento utilizar, sempre uma quantidade menor de açúcar, substituo-o por um ingrediente que adoce o bolo, como frutas, frutas secas, mel, adoçante culinário em pó…
  • Excesso de açúcar faz o bolo encolher durante o cozimento no forno, ficando mais compacto na parte inferior e não tão bonito.
Cuidados com a farinha
  • Para o preparo de massas, bolos utilize sempre a farinha que está indicada na receita. É recomendável que ela seja pura, sem adição de fermento, pois cada receita pede uma quantidade específica de fermento.
  • A farinha branca, refinada deve ser sempre peneirada antes de usar para ter certeza que não terá resíduos ou grumos. Esta simples operação vai tornar a massa mais leve e aerada.
  • Substituir uma pequena parte da farinha de trigo por amido de milho ou fécula de batata na massa ajuda a deixá-la mais macia.
  • Ao acrescentar a farinha não bata ou misture durante muito tempo, se bater demais vai desenvolver mais glúten e o bolo fica pesado.
Cuidados com o fermento
  • Como em qualquer outro ingrediente, no fermento o prazo de validade é a primeira coisa na qual se deve prestar atenção.
  • O principal efeito do fermento químico (em pó) é o aumento do volume do bolo, mas deve ser adicionado com cuidado.
  • O excesso deixa a estrutura do bolo mais irregular e grosseira, pois as células rompem pelo maior teor de gás carbônico.
  • O recomendável é o uso de 10 gramas de fermento (1 colher de sopa nivelada) para cada 240 gramas de farinha de trigo.
  • Normalmente o fermento é o último ingrediente a ser adicionado à massa, já que assim que é misturado aos líquidos, começa a reagir.
Cuidados com o bicarbonato
  • A principal função do bicarbonato de Sódio é aumentar o volume e escurecer a massa. É principalmente usado em bolos de chocolate ou preparados com açúcar mascavo ou mel.
Cuidados com a forma
  • Cada receita necessita de um tamanho de forma específico. Por isso, antes de escolher a sua, verifique a quantidade de ingredientes da receita.
  • Recomenda-se que a quantidade de massa colocada na forma, nunca ultrapasse 3/4 de sua altura.

A forma a selecionar, depende do tipo de bolo a ser preparado, sendo sua capacidade de acordo com a massa e as características de cozimento.

  • Bolos “tipo inglês” as mais indicadas são as formas retangulares altas.
  • Tortas em camadas, recomenda-se a forma redonda baixa.
  • Bolos para serem cortados em fatias, utilize a assadeira retangular.
  • Bolos simples e sem recheio, utilize as formas com buraco no meio.
Cuidados com a gordura
  • Pode usar creme vegetal, margarina, óleo vegetal ou manteiga sem sal, a menos que a receita determine com sal. Eu preferencialmente utilizo creme vegetal.
  • A gordura é um ingrediente determinante para a estrutura da massa do bolo, a proporção é normalmente de 20% em relação ao açúcar, da quantidade na proporção normalmente utilizada.
Cuidados com os ovos
  • Use de preferência ovos frescos.
  • Tire da geladeira pelo menos 1 hora antes, os ovos em temperatura ambiente incorporam mais ar e ficam mais leves.
  • O principal efeito dos ovos no resultado do bolo é a textura, deixa a massa firme.
Temperatura do forno
  • Antes de assar qualquer bolo, preaqueça o forno por no mínimo 10 minutos. Esse procedimento faz com que a temperatura estabilize.
  • A temperatura ideal do forno para assar um bolo comum é de 180°C, ou seja, forno médio. Quanto mais densa e pesada for a massa de bolo menor deve ser a temperatura do forno para que ele asse bem por dentro e não queime por fora.
  • Nunca abra o forno durante o cozimento, somente após 25 minutos, pois a mudança brusca de temperatura poderá murchar o bolo.
  • Um bolo assado no forno em temperatura muito baixa fica com a massa firme demais.
  • Com a temperatura muito elevada, o bolo forma uma crosta na superfície antes de seu crescimento.

Dicas para Ter Sucesso nas suas Receitas de Bolos

Guloso & Saudável

Salvar

34 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia querida Vânia!
    Com essas dicas e informações fica mais fácil e
    não tem erros pra fazer bolos.
    Antes eu achava que o açúcar granulado escuro era sujo, isso há muito tempo atrás, rsrs, hoje prefiro os mais escuros.

    Bjs, sucessos sempre ♥

  2. Querida Vânia, quantas dicas valiosas, ainda mais para mim que amo comer e fazer bolos…rsrs
    Muito obrigada por partilhar informações tão relevantes para fazer um belo bolo macio, gostoso e saudável!!

    Beijinhos

  3. Oi minha linda..
    Menina, amei as dicas..
    Como eu sempre digo.. você arrasa com suas informações..
    Beijoka minha linda.. e uma tarde especial viu?

  4. Com certeza você é uma pessoa muito abençoada, por, compartilhar segredos que irão ajudar inúmeras pessoas. Obrigada, que Deus transborde seu coração e sua vida com o que houver de melhor.

  5. Vânia querida.
    dicas maravilhosas, sempre muito necessárias tanto para quem já pensa que sabe tudo ou para quem está aprendendo agora.
    Suas informações são sempre preciosas.
    Beijinhos

  6. Por favor, informe as diferenças das tradicionais formas de alumínio, antiaderentes e as de silicone. Tenho algumas de silicone e sempre fico desconfiado delas…Obrigado

  7. Querida Vânia,
    Por acaso tenho aqui um livro que ensina estes truques e cuidados todos, pois são de grande utilidade.
    Beijinhos,
    Lia.

  8. Não consigo entender a diferença entre creme vegetal e margarina. Não é tudo a mesma coisa? Acabei de sanar uma dúvida que eu tinha a respeito de maisena no bolo. Achei legal. Meu forno não tem escrito no acendedor do forno os graus. Sempre ponho no máximo. Pendo que o bolo na forma alta com furo demora mais no forno. Beijão e obrigada pela atenção.

  9. Oi, Vânia.
    Essa semana uma amiga me pediu dicas para a confecção de um bolo, que ela fez e não cresceu. Passei todas as dicas pra ela e uma coisa que me chamou a atenção foi a enorme quantidade de gordura que levava a receita. Só não sabia a proporção, mas salientei que devia reduzir. Até pensei em fazer um post sobre isso…
    Sempre reduzo a quantidade de açúcar das receitas, porque acho absurdamente doces, em sua maioria. Quando vejo um bolo com 1 x 1 de farinha x açúcar, fico impressionada!
    Boas dicas!
    Bjs.

    • Olá Heleno,
      Eu não faço muitas vezes bolo, mas quando faço dura menos de 48 horas, pois a turminha come-o bem rápido rsrs.
      Que me lembre de imediato existem duas hipóteses:
      1. O bolo foi mal assado, está ligeiramente cru por dentro;
      2. O local onde o conserva é inadequado, devido a alta temperatura e umidade, possivelmente se o conservar na geladeira dura mais tempo.
      Abraço, espero ter ajudado,
      Vânia

    • Oi Nani,
      A farinha de arroz flocada é especifica para preparar o cuscuz de arroz, encontra-se no supermercado próximo à farinha de milho flocada para preparar o cucuz de milho.
      Beijo,
      Vânia

    • Oi Sálua,
      Eu não utilizo praticamente margarina, somente creme vegetal, que somente possui gordura vegetal, sendo menos calórica.
      Respondendo à pergunta o bolo feito com óleo é mais saboroso e leve.
      Abraço,
      Vânia

  10. Adorei as dicas!
    Mas fiquei c uma dúvida em relação ao fermento.
    Se a receita possui 2x farinha + 1x fécula de batata + 1 colher de chá de bicarbonato, qto usa de fermento?
    Pq na receita q fiz ia apenas 1coljwr de chá,
    E o bolo cresceu 1cm apenas.

    • Olá Renata,
      Obrigada pelo comentário,
      Nessa receita de bolo substituíram o fermento por bicarbonato de Sódio, mas a quantidade de bicarbonato é insuficiente e deve adicionar um ácido como suco de limão ou vinagre.
      Abraço,
      Vânia

  11. Oii, eu adorei as dicas, mas tenho algumas dúvidas:
    Se eu quero fazer o bolo com uma massa beem fofa, tem que usar mais ovos, né? como massa de pão de ló. Mas qual a quantidade ideal de ovos pra um bolo ficar bem fofo? já vi receitas que levam desde 2 até 8 ovos. E a quantidade de gemas tem que ser sempre a mesma quantidade de claras ou nem sempre?

    • Bom dia Juliana,
      Não são unicamente os ovos que fazem o bolo ficar fofo, mas sim um conjunto de procedimentos que estão descritos no artigo, como o peneirar da farinha, o fermento, a temperatura dos ovos, o modo de bater as claras, o modo de bater o bolo, até mesmo o formato da forma…
      A quantidade maior ou menor de ovos pode ser compensada pelo aumento ou diminuição de outros ingredientes, o mais seguro é seguir rigorosamente a receita e utilizar bons ingredientes.
      Em determinadas receitas de bolos só necessita de gemas (como muitos bolos portugueses), já em outros só são pedidas claras.
      Abraço e boas receitas,
      Vânia

  12. Outra dúvida que eu tenho:

    Meu bolo fica bom quando sai do forno e sai quentinho, mas quando o coloco na geladeira ele resseca, mesmo molhando-o com leite e tampando-o.

    • Olá Juliana,
      Todo o bolo simples, “sem cobertura” de preferência deve ser consumido sem entrar na geladeira. Se conservá-lo na geladeira ele tem tendência a ressecar, para minimizar pode guardar em uma embalagem hermeticamente fechada.
      Abraço, boas receitas,
      Vânia

Deixe uma resposta