O maracujá é mesmo calmante e auxilia emagrecer?

O maracujá é o fruto de uma planta medicinal, cientificamente chamada Passiflora alata Dryand, é também conhecido popularmente como passiflora ou flor da paixão. Para saber mais continue lendo O Maracujá É Mais que um Delicioso Suco!

Normalmente nos lembramos do maracujá pelo delicioso suco, pelos doces, é também famoso por seu ativo calmante, mas ainda possui vitaminas do complexo B, sais minerais, betacaroteno e muitos outros benefícios, O Maracujá É Mais que um Delicioso Suco.

Além disso, também contém uma substância chamada passiflorina ou maracujina, que é um calmante natural,  pois possui propriedades sedativas, mas não são prejudiciais a saúde pois não causam dependência.

Benefícios do Maracujá para a SaúdeO Maracujá É Mais que um Delicioso Suco

O Maracujá É Mais que um Delicioso Suco

Os maracujás de casca enrugada possuem a polpa mais doce, enquanto os de casca lisa são mais ácidos (azedos).

A polpa do maracujá é mesmo calmante?
  • Sim. Ele contém alcaloides e flavonoides, substâncias que agem no sistema nervoso central, atuam como tranquilizantes, analgésicos e relaxantes musculares.
Quais as variedades de maracujá mais conhecidas?
  • No Brasil existem cerca de 150 variedades.
  • Maracujá amarelo ou maracujá azedo (passiflora edulis f. flavicarpa) é o mais conhecido pelos brasileiros.
  • Maracujá roxo, (passiflora edulis) é redondo e menor que o maracujá-amarelo.
  • Maracujá doce, (passiflora alata) embora originário do Brasil, é o menos conhecido, produzido e consumido pelos brasileiros.
  • Maracujá açu (passiflora quadrangularis) é uma espécie nativa do norte do Brasil. Sua principal característica é o tamanho do fruto, alongado e de grandes dimensões, chegando a pesar até 3 quilos (é plantado também no norte de Angola).
  • Maracujá maçã ou maracujá de osso (passiflora maliformis) é outra espécie de maracujá que se destaca, especialmente pela forma com que ocorre a sua frutificação, pela beleza e exotismo da flor e do fruto.
  • Maracujá da serra ou maracujá ametista (passiflora amethystina) é um fruto nativo da Serra do Mar e de outras regiões serranas de São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina.
Quais o benefícios do maracujá?
  • Segundo estudo da Universidade de Campinas (Unicamp), que incluiu quatro tipos do fruto, a polpa do maracujá tem efeito calmante, analgésico, anti-inflamatório e ainda o poder oxidante (que melhora o funcionamento do organismo), além de trazer outros benefícios para a saúde.
  • O Centro de Energia Nuclear na Agricultura (Cena) da Universidade São Paulo USP, desenvolveu uma pesquisa em que adicionou a um iogurte polpa e farinha de maracujá elaborada a partir das cascas e sementes da fruta, resultou um alimento com quantidades significativas de nutrientes benéficos para a saúde humana, de destacar as fibras.
  • Faculdade de Nutrição da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) desenvolveu a fibra de maracujá, desde então foram comprovados os efeitos benéficos na diminuição do nível de colesterol LDL (o mau), no bom funcionamento do sistema gastrointestinal, e também auxilia no controle da diabetes!
  • Se for adquirir farinha de casca de maracujá industrializada é importante verificar se possui a liberação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).
  • Um estudo realizado na Universidade Federal da Paraíba com 17 mulheres com colesterol alto comprovou que a farinha da casca de maracujá possui efeito emagrecedor e protege o coração (por reduzir gordura). O colesterol LDL (o mau) reduziu e também perderam peso!
O que se aproveita do maracujá?
Fruto
  • É rico em nutrientes (tem um calmante natural) o seu suco e polpa são ingredientes preciosos em receitas como: sucos, vitaminas, mousses, doces, bolos, molhos para saladas e outras infindáveis possibilidades.
  • Devemos consumir no máximo 4 frutos por dia.
Casca
  • A parte branca da casca é rica em pectina, um tipo de fibra que arrasta gorduras para fora do organismo. É consumida na forma de farinha, misturada em sucos e iogurtes. Ela diminui a absorção da glicose, ajuda no combate ao colesterol LDL (o mau) e melhora a digestão.
  • Quando a fibra chega ao estômago, transforma-se em um gel não digerível, fazendo com que tenhamos durante muito tempo a sensação de estarmos saciados. Assim, passamos a sentir menos fome e a ingerir porções menores nas refeições.
  • Devemos consumir no máximo 2 colheres de sopa por dia, todos os dias, embora ainda não haja consenso entre os especialistas da quantidade a recomendar.
Folhas
  • Com elas produzem-se medicamentos e chás. Mesmo quem não aprecia o sabor pode aproveitar-se de sua ação calmante usando a infusão como base de sucos. O chá de folhas de maracujá (folhas secas sem agrotóxicos) costuma ser indicado como auxiliar no tratamento contra insônia, pois provoca relaxamento e combate a ansiedade. O melhor efeito do chá é certamente a capacidade calmante quase sedativa.
  • Devemos consumir no máximo 2 xícaras de chá à noite.
Sementes
  • São um potente vermífugo e trituradas entram na fabricação de esfoliantes. Já o óleo extraído delas serve para temperar saladas.
  • Devemos consumir no máximo as sementes de 4 frutos por dia.

No link algumas receitas de bebidas, doces, bolos e molhos com maracujá!

O Maracujá É Mais que um Delicioso Suco

Guloso & Saudável

Salvar

16 COMENTÁRIOS

  1. Olá Vânia,
    Eu adoro maracujá por isso, se para além de ser delicioso, ainda tem todas estas características fabulosas, óptimo!!
    Beijinhos e boa semana,
    Lia.

  2. Vânia,

    Eu e o maracujá não somos muito próximos, não é uma fruta de que eu especialmente goste, se bem que lhe reconheço muito valor, tanto visualmente, como em termos nutritivos !
    Gostei de ficá-lo a conhecer um pouco melhor através deste seu exceletne artigo ! 🙂

    Beijinhos

  3. Equilibrar a alimentação, comer de tudo e variar os alimentos é fundamental a nível dietético e do bom funcionamento do nosso organismo. Saber o poder de cada alimento para o poder ter como adjuvante dessa dieta é uma chave para o sucesso. São muito os benefícios do maracujá e o sabor deste fruto é maravilhoso! Continuação do bom trabalho, um abraço!
    Ana

  4. Querida Vânia estou atrasada nas minhas visitas, pois já vi que perdi postagens. Aquela mousse de melão está lindíssima, a cor ficou muito bonita, nunca fiz mousse de melão, e o toque de limão acentuou mais ainda o sabor eu creio, gostei muito da receita. E o maracujá é uma fruta que adoro, porém, não sabia que podia-se aproveitar, as folhas e a casca. Adorei esse post, excelente informações. Beijinhos, ótima semana

  5. Tenho duas perguntas: O consumo da farinha de maracuja em diabeticos pode BAIXAR a pressão arterial? Qual a medida certa e quantas vezes por dia devemos beber? Deveria comentar mas acabei perguntando. Se puderem responder agradeço.

    • Olá Ângelo,

      Segundo “A Faculdade de Nutrição da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) desenvolveu a fibra de maracujá, desde então foram comprovados os efeitos benéficos na diminuição do nível de colesterol LDL (o mau), no bom funcionamento do sistema gastrointestinal, e também auxilia no controle da diabetes!

      Quanto à quantidade de farinha da casca de maracujá “Devemos consumir no máximo 2 colheres de sopa por dia, todos os dias, embora ainda não haja consenso entre os especialistas da quantidade a recomendar.

      Abraço,
      Vânia

  6. Boa tarde querida!
    Eu não sabia que as folhas do maracujá tbm seriam utilizadas, vivendo e aprendendo com a Vânia, rsrs.
    Uma vez comi tanto maracujá na casa da minha avó que fiquei bêbeda, passei mal, rsrs.
    Essa frutinha é 10 e faz receitas maravilhosas…hummmmmm!

    Beijos, ótima semana junto a sua família!

  7. gostaria de sabe se o maracujá açú é bom porque eu tenho essa fruta em minha casa já deu duas vezes mais temos medo de comer sera que é bom essa fruta gostaria de sabe como posso faze bolo suco e vitamina vocês pode me ajuda

    • Olá Adriana,
      Adoraria ter um pé de maracujá açú em casa, há muito tempo procuro uma muda, ou sementes, o meu marido é fã do maracujá, consuma0o como desejar como sobremesa, incluindo as sementes, como suco, da polpa da casca pode tentar fazer doce.
      Conte-nos depois suas experiências.
      Abraço,
      Vânia

Deixe uma resposta