Adoçantes: o Que Devemos Saber

15

Sabe o que são edulcorantes e adoçantes?

A definição de adoçante é uma mistura de um ou mais edulcorantes com algum nutriente para conferir sabor doce aos alimentos. Saiba mais lendo o artigo Adoçantes: o Que Devemos Saber!

Edulcorantes são substâncias, diferentes dos açúcares, com a capacidade de adoçar alimentos.

Eles podem ser usados em substituição total ou parcial ao açúcar. Os edulcorante tem poder adoçante muito superior ao da sacarose (açúcar comum), saiba como fazer a melhor escolha lendo o restante de Adoçantes: o Que Devemos Saber.

Adoçantes: o Que Devemos SaberAdoçantes: o Que Devemos Saber

Classificação dos edulcorantes:
  • Naturais: são os obtidos sem reações químicas a partir de plantas ou de alimentos de origem animal.
  • Artificiais ou sintéticos: são obtidos de produtos naturais ou não e através de reações químicas apropriadas.

Adoçantes: o Que Devemos Saber

  • Existe um grande número de compostos capazes de produzir o sabor doce, entretanto só alguns (naturais ou artificiais) são permitidos pela legislação para serem adicionados aos alimentos.
  • Um bom adoçante tem de ser, solúvel em água, mais doce que a sacarose (açúcar comum), resistir ao aquecimento, inclusive à pasteurização e ultrapasteurização.
  • A característica mais importante do adoçante está no sabor. O ideal é que ele tenha o mesmo sabor do açúcar, sem calorias e sem deixar efeito residual na boca, o conhecido lingering effect. Também não deve ter sabor além do doce ou after taste, que dá uma sensação muito desagradável.
  • A toxicidade dos adoçantes, principalmente os artificiais, está relacionada com a presença de impurezas provenientes da extração ou das reações químicas para obtê-los.
  • Tanto o ciclamato, a sacarina e o acessulfame têm sabor amargo em elevadas concentrações. O esteviosídeo deixa um sabor residual de alcaçuz. Aspartame, apesar de menos doce, tem pouco sabor residual e fraco sabor amargo.
São permitidos os seguintes edulcorantes:
  • Os sintéticos: sacarina, ciclamato, aspartame, sucralose, acessulfame, perilartina e xilitol.
  • Os naturais: frutose, polióis, esteviosídio, rebaudosídio, glicirrizina, taumatina (proteína da Thaumacoccus Danielli).
  • Quando você for comprar um adoçante, leia o rótulo e conheça o tipo de adoçante utilizado. Sempre que possível opte pelos naturais.
  • O adoçante é recomendado, em especial, para pessoas que fazem dietas com restrição de açúcar ou restrição de calorias, como é o caso dos obesos e diabéticos.
  • Alguns adoçantes causam efeitos adversos à saúde, como intercorrências no trânsito intestinal e enjoo.
  • A definição de adoçante é uma mistura de um ou mais edulcorantes com algum nutriente para conferir sabor doce aos alimentos.
  • Edulcorantes são substâncias, diferentes dos açúcares, com a capacidade de adoçar alimentos…

Dose diária permitida para os principais adoçantes segundo o Comitê de Peritos da Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), em miligramas de adoçante por quilo de peso.

 Adoçante

Dose (mg / kg de peso)

Sacarina

3,5

Steviosídeo

5,5

Ciclamato

11

Aspartame

40

Acessulfame-K

15

Sucralose

15

Xylitol, Manitol e Sorbitol

15

Conheça a sua dose diária
  • Para saber a dose de edulcorante que você pode consumir diariamente, multiplique o seu peso atual (em quilos) pelo valor do edulcorante correspondente em mg (tabela anterior).
  • O resultado significa o limite máximo de edulcorante que pode ser ingerido em um dia.
  • Se você pesa 70 quilos e quer saber qual a quantidade máxima de ciclamato na sua alimentação diária: multiplique 70 (seu peso) x 11 (dose de edulcorante) = 770 mg. Mais do que isso você já estará correndo risco.
Ponderações para escolha do um adoçante:
  • É de primordial importância saber-se que todos os adoçantes aqui listados estão legalizados perante a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), mas não podemos nos esquecer que existe dúvidas sobre os malefícios de alguns:
  • Aspartame, existem diversos estudos contraditórios sobre a segurança no consumo de aspartamo;
  • Ciclamato e a ciclohexilamina (seu principal metabolito) são atribuídos efeitos carcinógenos. O ciclamato é ilegal nos Estados Unidos (1969) e Japão, atualmente é um aditivo autorizado pelo Parlamento Europeu, com restrições. A ingestão máxima diária atual é de 7 mg/kg de peso corporal. Até 2005 era de 11 mg.
  • Sucralose é o único adoçante derivado da própria sacarose, é considerado seguro e adoça 600 vezes mais que o açúcar comum. Pode ser consumida por diabéticos, gestantes e crianças.
Qual é o melhor método de adoçar?
  • Indiscutivelmente método de adoçar mais saudável é o açúcar já existente nos alimentos, muitas vezes desnecessariamente acrescentamos mais açúcar ou adoçante alterando o sabor agradável e / ou frescor do alimento (bolo, pudim ou bebida), tente se habituar ao gosto natural dos alimentos e utilize ingredientes originariamente mais doces para adoçar o alimento, como por exemplo banana, passas, mel, etc.
  • Evite consumir produtos diets em excesso, (gelatina, pudins, suco, etc).
  • Dê preferência a sucos de frutas naturais com pequena quantidade de mel, açúcar, açúcar light, nenhum ou por último adoçante.
  • Utilize os adoçantes para substituir o açúcar sempre com moderação, comece por diminuir 2 gotas por dia no que vai adoçar.
  • Faça rodízio dos vários tipos de adoçantes, inclusive os que são novos no mercado, autorizados pela legislação. Se possível, utilize-os combinados, já que assim, eles possuem maior doçura e por isso consegue-se reduzir a quantidade de uso (ex: ciclamato com estévia).
  • Analise as desvantagens dos adoçantes por exemplo: nunca utilize aspartame em alimentos quentes, pois além de haver uma perda da doçura, é contra indicado por haver formação de substâncias tóxicas.
  • O uso de qualquer adoçante à base de edulcorantes artificiais deve ser proibido às mulheres grávidas e lactantes e para crianças obesas, deve-se seguir a orientação médica.
  • Lembre-se que todo excesso traz prejuízos à saúde. Assim, adoçantes dietéticos não fogem à regra e, portanto, devem ser consumidos com moderação, não se esqueça de se aconselhar com seu médico ou nutricionista.

Adoçantes: o Que Devemos Saber

Guloso & Saudável

 

Salvar

Salvar

Salvar

15 COMENTÁRIOS

  1. Aqui esta uma coisa que nunca usei, uso açúcar e só no café mas mesmo gosto de pôr pouco .
    Gostei do post pois sabia muito pouco sobre adoçantes.
    bjs

  2. Bom dia Querida!

    Eu uso o adoçante parcialmente estou introduzindo aos poucos na alimentação lá em casa.
    Acho ele muito mais saudável.
    Ótimas dicas amiga.
    Abraços.

  3. Oi Vânia, quanta informação importante, eu não gosto de usar adoçantes e produtos diets, eu sempre procuro fazer tudo o mais natural possivel.
    Beijos, Oslaine.

  4. Vânia minha querida,
    aqui em casa uso o Magro e ou Zero Cal, um grande
    defeito não li os rótulos, pela confiança nas marcas.
    Obrigada pelas dicas preciosas, seus posts são nota
    10!

    Beijinhos fica com Deus!

  5. Vânia querida sabia mais ou menos dos efeitos que o adoçante pode causar ao nosso organismo, mas não do restante das informações. Trata-se de um excelente post, um alerta para as pessoas que usam adoçantes sem ler o rótulo ou entendê-lo. Aqui em casa ja tentei usar, mas ninguém gostou, troquei por outras marcas, mas não adiantou. Resumo da ópera: diminuimos a quantidade de açúcar, usamos mel, e aproveitamos o doce natural que tantas frutas nos oferece. Post nota 1000. Obrigada. Bjos

    • Olá Sônia,
      Agradeço seu comentário, mas lamento sua frustração, este artigo visava facultar informações acerca de adoçantes, já havíamos publicado o artigo “Reduzir o Consumo de Açúcar faz bem à Saúde” com informações acerca das variedades de açúcar para consumo, lá encontrará também informações acerca de açúcar mascavo.
      Beijo,
      Vânia

  6. Olá Vânia!! Muito bom o post, informações muito importantes. Não tenho o costume de utilizar adoçante, mas também deveria usar mais o açúcar natural das frutas. É vou tentar 🙂

    Abraços, Fabiana.

  7. Que post fantástico Vânia. EU não uso adoçantes, pois não ponho açúcar no chá, nem no café e para bolos e sobremesas, uso mesmo açúcar e não adoçantes.
    Beijinhos,
    Lia.

  8. Vânia,

    Publicação fantástica e muito pedagógica, sempre a aprender é o meu lema e assim mesmo nunca saberei demais !

    Desconhecia alguns dos factos aqui revelados !
    Obrigada por esta partilha !

    Beijinhos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor digite o seu nome aqui