Pão de Abóbora

18

E lá vem mais uma receita de pão acabada de sair do forno é o Pão de Abóbora! É uma daquelas receitas que você prova uma vez e não consegue esquecer mais. Conheci-a pelo acaso e acho que por isso acabou se tornando ainda mais inesquecível.

Lembro-me que a saboreei o pão pela primeira vez na casa da minha mãe já há alguns anos. Tinha ido visitá-la e, no momento que cheguei, ela tinha acabado de receber da sua vizinha meia dúzia desses pãezinhos de abóbora bem quentinhos – tinham acabado de sair do forno! Eu, como curiosa insaciável de sabores, fui logo atrás de querer provar, um pão, claro. Quando o pus na boca, não tive como não me apaixonar! Tratei logo de ir atrás de bater na porta da vizinha para anotar a receita – vocês me entendem, né? Não dá para deixar escapar uma receita boa, não é mesmo? rsrsrs

O que mais gosto do Pão de Abóbora é o fato dele conseguir ser delicioso de todas as formas: com manteiga, com requeijão, com geleia, mergulhado no cafezinho, no cappuccino ou até mesmo ele sozinho! Eu sei que a propaganda que estou fazendo dele é grande, mas, na minha opinião, este pão definitivamente a merece!

Receita de Pão de Abóbora

Pão de Abóbora

Categorias:Pães e salgados
Autores:Guloso e Saudável
Rendimento:35 porções
Tempo de preparo:20 minutos
Tempo total de preparo:1h 20 minutos
Grau de dificuldade:Fácil
Comida:Brasileira
Porção:50 gramas

Ingredientes

  • 400 gramas: Abóbora fresca;
  • 1 unidade: Ovo;
  • 3 colheres de sopa: Azeite de oliva;
  • 1/2 colher de chá: Açúcar mascavo;
  • 2 xícaras: Farinha de aveia;
  • 6 xícaras: Farinha de trigo branca;
  • 50 mililitros: Leite desnatado;
  • 1/2 colher de chá: Sal;
  • 20 gramas: Fermento biológico seco.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Modo de preparo

  1. Cozinhe a abóbora (jerimum de leite) em água até que fique macia, escorra bem, retire a casca, amasse e reserve.
  2. Dissolva o fermento no leite morno e junte o açúcar.
  3. Numa tigela coloque a farinha de trigo, de aveia, o sal, o ovo, junte a polpa da abóbora cozida com o fermento dissolvido, o azeite, misture bem.
  4. Transfira a massa para o balcão polvilhado, sove até a massa ficar lisa e homogenia, divida a massa em duas partes, estenda com o rolo e enrole de acordo com o tamanho das formas.

Dica: O peso da farinha deve ser adequado às necessidades da massa o valor é aproximado.

  1. Faça 2 pães. Coloque em assadeira untada e polvilhada e deixe a massa levedar por aproximadamente 1 hora (ou até dobrar de volume).
  2. Preaqueça o forno a 200ºC, por no mínimo 15 minutos.
  3. Asse o pão no forno por aproximadamente 30 minutos.
  4. Coma o pão de abóbora morno.

Valores nutricionais por porção

Açúcar:0,5 gÁgua:16,9 g
Alpha-caroteno:58,9 μgBeta-caroteno:354,6 μg
Cálcio:51,8 mgCalorias:155,9 kcal
Carboidratos:27,4 gColesterol:7,9 mg
Ferro:3,7 mgFibras totais:1,9 g
Fósforo:91,2 mgGorduras:2,6 g
Gorduras monoinsaturadas:1,2 gGorduras poliinsaturadas:0,6 g
Gorduras saturadas:0,4 gMagnésio:23,5 mg
Niacina:2,3 mgPotássio:121 mg
Proteína:5,2 gSelênio:14,7 μg
Sódio:67,5 mgVitamina A:1.284,4 IU
Vitamina C:1 mgVitamina E:0,5 g
Vitamina K:1,2 μgZinco:0,6 mg

Os valores nutricionais são baseados em cálculos teóricos. Não foi executada uma análise laboratorial.

Salvar

18 COMENTÁRIOS

  1. Oi Vânia!
    Esse seu pão ficou apetitoso.
    Eu ganhei de Natal uma batedeira equipadíssima para poder fazer pão (e outras receitas), mas ainda não tive tempo para muitas experiências, porque fazer pão demora, né? Mas estou fazendo uma lista com minhas próximas receitas e o seu blog vai ser uma boa fonte de inspiração!
    Vi que você usou fermento biológico seco. Você prefere o seco ou o fresco (cubo)? O resultado é o mesmo? Eu me lembro que minha mãe sempre fazia pão com o fresco… Tenho vontade de testar com o fresco também (mas ele não se conserva muito tempo, então para mim vira um problema).
    Então, o que você acha? Fermento fresco ou seco?
    Beijos e tenha um ótimo dia!

    • Olá Kati,
      Existem vantagens nos dois tipos de fermento:
      O fermento biológico seco é indicado para bolos, pães especiais que precisam de uma estrutura sustentável, porém macia, sem a espera de tempo para fermentação.
      O fermento biológico fresco é mais recomendável para discos de pizzas, esfihas e outros que necessitam de tempo para fermentar e levedar a massa fazendo-a crescer de forma lenta e natural.
      Mas tenho visto utilizar um ou outro fermento por simpatia ou por necessidade de rapidez.
      Beijo
      Vânia

  2. Minha amiga Vânia,

    Fiquei alucinada com a foto, que cena tão linda!!!

    O pão? Tenho certeza que é magnifico!

    Bom dia!

  3. sabe aquelas sementes de abóbora de aperitivo?
    se jogasse umas não tostadas sobre a massa, antes de assar, ia ficar legal, não?

    vou testar esta receita depois!!!
    beijão

  4. Vânia querida adoro abóbora e gostei muito dessa receita, pois nunca usei abóbora nos pães, já fiz de batatas, mandioquinha mas nunca de abóbora, sua propaganda à receita não é de se estranhar, deve ficar delicioso esse pão. Vou levar a receita, quando fizer lhe aviso. Ficou lindo seu pão, além de ficarcom uma linda cor. Amei…Bjos

  5. Oi Vânia,
    Nunca comi pão de abóbora, mas pelo aspecto e os ingredientes, principalmente a farinha de aveia pela sua leveza que dá ao pratos, com certeza deve ter ficado delicioso. Na receita não especifica a variedade da abóbora.
    Beijos

  6. Vânia que espetáculo de pão, adoro caseiro!!!
    Me encanta, fazer, o aroma pela casa e evidentemente, come!!!!
    A receita é divina, vou levando comigo,não resisti!
    Obrigada por dividir,viu?
    Bjinhos. Re

  7. Olá Vânia, conheci seu blog agora é estou adorando suas receitas. Como não posso usar o glúten, e o leite, poderia substituir por outra farinha e pelo leite de coco? Ficaria muito grata se tbm pudesse publicar mais receitas sem glúten e sem lactose.
    Fique na luz e paz!!!!
    Bjus
    Sueli

  8. Oi Vânia, esta abóbora (jerimum de leite) não conheço ou conheço por outro nome rsss, qual seria? Posso usar a cabotiá ou aquela que é cor de laranja, que fazemos doce?
    Obrigada!

    • Olá Priscila,
      O jerimum de leite é também conhecido por Abóbora Maranhão, Abóbora Sergipana. tema cor creme e a polpa cor de laranja. É cultivado no Centro-oeste, Nordeste, Norte, Sudeste, Sul.
      Esta abóbora jerimum de leite tem sabor adocicado, mas pode preparar o pão com a cabotiá que é igualmente deliciosa.
      Abraço,
      Vânia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor digite o seu nome aqui